segunda-feira , 16 dezembro 2019
Home / Destaque / EX-AGENTE DA POLÍCIA NACIONAL E PRESO DURANTE OPERAÇÃO DA POLÍCIA CIVIL COM CARGA DE MACONHA EM PONTA PORÃ

EX-AGENTE DA POLÍCIA NACIONAL E PRESO DURANTE OPERAÇÃO DA POLÍCIA CIVIL COM CARGA DE MACONHA EM PONTA PORÃ

Operação da Polícia Civil da duro golpe ao narcotráfico ao apreender carga de maconha, skunk e prender ex-agente da Polícia Nacional do Paraguai com passagem por homicídio em Ponta Porã.

O caso foi registrado na quarta feira (16), quando uma equipe de investigação da segunda delegacia de polícia de Ponta Porã, sob a coordenação dos delegados Patrick Linares e Caio Macedo, após trabalho de inteligência, logrou êxito em desmantelar braço de organização criminosa responsável pelo tráfico de drogas na região de fronteira entre o Paraguai e o estado do Mato Grosso do Sul.

Após a certificação de que, em uma oficina na região do bairro grande Marambaia estaria sendo realizado o carregamento de uma grande quantidade de drogas a serem transportadas, a equipe de investigação da unidade policial, adentrou ao local, apreendendo 364 kilos de maconha e 10 kilos de skunk, drogas elaboradas a partir do mesmo princípio ativo, no local apreendeu ainda um caminhão que seria usado na empreitada criminosa.

Durante a operação foi preso o cidadão paraguaio em flagrante e identificado como o ex-agente da Polícia Nacional do Paraguai em Pedro Juan Caballero, Reinaldo Diaz Sanchez, com passagem por homicídio na cidade de Pedro Juan Caballero, onde no ano de 2010 executou o adolescente Diosnel González Benítez (16) com vários disparos de pistola do calibre 9 mm durante a realização de uma festa com amigos, segundo os investigadores da segunda delegacia Reinaldo Diaz Sanchez foi identificado como o dono da carga e responsável pelo transporte pela que recebeu voz de prisão e juntamente com o caminhão preparado com uma carga de móveis na qual se encontrava um fundo falso e a carga de droga foi encaminhado a delegacia de Polícia Civil para os procedimentos cabíveis.

Segundo as autoridades policiais, a operação resultou em um considerável prejuízo aos responsáveis pelo tráfico na região de fronteira, que gera inúmeros outros crimes em todo o Brasil, tais quais homicídios e roubos de veículos usados para o transporte ilícito de drogas.

Comentário

Comentário

Veja Também

GOLPE DA VENDA DE VEÍCULOS NAS REDES SOCIAIS ENTRA NA MIRA DA POLÍCIA EM PONTA PORÃ

Golpe da venda de veículos pelas redes sociais faz novas vitimas e policia cria força ...