sexta-feira , 21 fevereiro 2020
Home / Destaque / POLÍCIA INVESTIGA NA REGIÃO DE FRONTEIRA MOTIVAÇÃO DA EXECUÇÃO DE EX PREFEITO

POLÍCIA INVESTIGA NA REGIÃO DE FRONTEIRA MOTIVAÇÃO DA EXECUÇÃO DE EX PREFEITO

O caso ocorreu na cidade paraguaia de de Bella Vista Norte na fronteira com Bela Vista no Mato Grosso do Sul, onde o ex prefeito Júlio César Rojas Vadora (54), foi morto a tiros no final da tarde do ultimo sábado (18) quando assistia a uma partida de futebol no Ybytyruzu Sports Center, onde os pistoleiros a borde um Gol e de uma moto chegaram ao local e fizeram centenas de disparos de submetralhadora.

Júlio César que já tinha sido também governador do estado de Amambay, cuja capital é Pedro Juan Caballero estava na arquibancada ao lado de outras pessoas, morreu na hora. Outra vítima foi o servidor público federal do Paraguai Alejandro Malvertti Delgado, chefe local do Serviço Nacional de Erradicação da Malária (Senepa) que acompanhava o político.

Luís Arnaldo Fernandes (18) e Arnaldo Flores foram feridos e socorridos com vida para o Hospital Regional de Bella Vista Norte. No momento do atentado houve muita correria e pânicos e outras pessoas ficaram feridas mas sem gravidade. Segundo as investigações, o alvo dos assassinos era o ex-prefeito Rojas.

Investigadores da Divisão de Investigações Criminais de Casos Puníveis e da Divisão de Homicídios deslocaram vários agentes a região a fim de chegar aos autores e mandantes.

Comentário

Comentário

Veja Também

SEGUNDO SECRETARIO DE SAÚDE, AUMENTO DE CASOS DE DENGUE E ASSUSTADOR EM PONTA PORÃ

A sessão ordinária de terça feira (11) da Câmara Municipal de Ponta Porã, foi marcada ...