sexta-feira , 24 janeiro 2020
Home / Educação / PROERD CRUZA A FRONTEIRA E SE TRANSFORMA EM SUCESSO EDUCACIONAL DE RESISTÊNCIA ÀS DROGAS E A VIOLÊNCIA NO PARAGUAI

PROERD CRUZA A FRONTEIRA E SE TRANSFORMA EM SUCESSO EDUCACIONAL DE RESISTÊNCIA ÀS DROGAS E A VIOLÊNCIA NO PARAGUAI

Programa de Resistência a Drogas e a Violência (PROERD) da Polícia Militar do estado do Mato Grosso do Sul cruzou a fronteira e programa acaba desencadeado por agentes da Polícia Nacional do Paraguai em Pedro Juan Caballero na fronteira com Ponta Porã e se transforma em sucesso entre a sociedade fronteiriça.

O programa desencadeado pelos oficiais instrutores, Fredy Moreira, Daisy Baez, Juan Areco, Sergio Ortiz e Francisco Martínez da Policía Nacional do Paraguai em Pedro Juan Caballero, conta com o apoio do comando da Polícia Nacional do Paraguai, já beneficiou aproximadamente dois mil jovens estudantes em diversas instituições educativas no departamento (estado) de Amambay, onde os policiais instrutores em meio a diversas dificuldades levam o PROERD a ser um sucesso, com apoio da sociedade civil organizada, pela que os instrutores da Polícia Nacional do Paraguai em Pedro Juan Caballero não medem esforço para que o projeto alcance um maior número de instituição educativa, onde beneficiará a um maior número de crianças e adolescentes além de fortalecer os laços familiares com a sociedade fronteiriça.

A formatura dos estudantes participantes do PROERD tem levado as familiares a uma emoção sem igual ao ver seus filhos sendo formado pelo Programa de Resistencia a Drogas e a Violência nas escolas, em razão de que os mesmos agora estarão preparados para se defender e podem influenciar outros jovens a serem resistentes às drogas e a violência.

O Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd) consiste num esforço cooperativo estabelecido entre a Polícia Nacional do Paraguai em Pedro Juan Caballero, a Escola e a Família, tendo como missão e visão:

Missão: ensinar aos estudantes habilidades para tomada de boas decisões, para ajudá-los a conduzir suas vidas de maneira segura e saudável.

Visão: construir um mundo no qual os jovens de todos os lugares estejam capacitados para respeitar os outros e para escolherem conduzir suas vidas livre do abuso de drogas, da violência e de outros comportamentos perigosos.

Os objetivos específicos do programa incluem: 

Desenvolver nos jovens estudantes habilidades que lhes permitam evitar influências negativas em questões afetas às drogas e violência, promovendo os fatores de proteção.

Estabelecer relações positivas entre alunos e policiais, professores, pais, responsáveis legais e outros líderes da comunidade escolar.

Permitir aos estudantes enxergarem os policiais instrutores como servidores, transcendendo a atividade de policiamento tradicional e estabelecendo um relacionamento fundamentado na confiança e humanização.

Estabelecer uma linha de comunicação entre os policiais instrutores e os jovens estudantes.

Abrir um diálogo permanente entre a “Escola, a Polícia Nacional e a Família”, para discutir questões correlatas à formação cidadã de crianças e adolescentes.

Comentário

Comentário

Veja Também

UEMS OFERECE 615 VAGAS PARA OS 16 CURSOS DA UNIDADE DE DOURADOS PELO SISTEMA DE SELEÇÃO UNIFICADA 2020

A Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) oferece 615 vagas para os 16 ...