quarta-feira , 13 novembro 2019
Home / Destaque / CORPO EM DECOMPOSIÇÃO ENCONTRADO EM CÓRREGO NA CIDADE DE PEDRO JUAN CABALLERO PODERIA SER DE BRASILEIRO DIZ INVESTIGADORES

CORPO EM DECOMPOSIÇÃO ENCONTRADO EM CÓRREGO NA CIDADE DE PEDRO JUAN CABALLERO PODERIA SER DE BRASILEIRO DIZ INVESTIGADORES

Moradores de Pedro Juan Caballero encontram corpo com sinais de tortura em estado de decomposição em córrego e polícia acredita que a vítima possa ser de nacionalidade brasileira.

O fato foi registrado na manha de segunda feira (04) por volta das 09:30hs, quando populares alertaram os investigadores da Divisão de Homicídios e da Polícia Técnica da existência do corpo de um homem que apresentava ter sofrido brutal tortura e porteriormente teve o corpo abandonado nas águas do córrego denominado “Marcos Chorro” situada nas proximidades do bairro General Genes em Pedro Juan Caballero de onde foi retirado com o apoio dos integrantes do Corpo de Bombeiros Voluntários Vermelhos, quando os investigadores iniciaram os trabalhos de praxe com apoio do promotor de justiça Gabriel Segovia e do médico legista Marcos Prieto que diagnosticóu como causa de morte traumatismo de crânio encefálico grave em razão de golpes na altura da cabeça, ocorrido a aproximadamente cinco dias.

Segundo o médico legista a vítima apresenta uma tatuagem no antebraço esquerdo com a inscrição “Marino” e utilizava uma camiseta da marca “Polo” de fabricação brasileira que poderia indicar que a vítima seria de nacionalidade brasileira e teria entre 35 a 40 anos de idade, a vítima segundo os investigadores da Polícia Técnica teria sido torturado e posteriormente executado e desovado no córrego onde acabou sendo encontrado na manha de segunda feira por um morador da região.

O corpo foi encaminhado ao IML da cidade a espera que algum familiar realize a sua identificação o mais rápido possível já que ao estar em decomposição deverá ser enterrado a pedido do promotor nas próximas horas na cidade de Pedro Juan Caballero, onde os investigadores da Divisão de Homicídios não descartam que o mesmo possa ter sido executado em um ajuste de contas do crime organizado, mas a policia não descarta nenhuma hipótese e o crime será investigado pela Divisão de Investigações Criminais de Casos Puníveis da Polícia Nacional do Paraguai em Pedro Juan Caballero.

Comentário

Comentário

Veja Também

APLICATIVO DE RASTREAMENTO SATELITAL EM VEÍCULOS E MOTOS NA FRONTEIRA FRUSTRA AÇÃO DE DELINQUENTES

Rastreamento satelital frustra ação de assaltantes na fronteira e polícia bate recorde em recuperação de ...