terça-feira , 16 julho 2019
Home / Destaque / ENGENHEIRO AGRÔNOMO E MORTO A TIROS NA FRONTEIRA

ENGENHEIRO AGRÔNOMO E MORTO A TIROS NA FRONTEIRA

Pistoleiros executam a tiros na manhã de quarta-feira (10) por volta das 07:20hs, o professor da Faculdade de Agronomia de Pedro Juan Caballero, o engenheiro agronomo Hector Ruiz Duarte (44) quando o mesmo Trafegava com uma caminhonete da marca Toyota, Hilux, cor preta, placas PNO 026 Paraguai e ao alcançar avenida Tenente Herrero esquina com a rua Alberdi, foi atacado a tiros de pistola 9mm, por um individuo que transitava a bordo de uma motocicleta.

Segundo informações o coordenado do Curso de Ciências Agrárias do curso de agronomia, não teria nenhum tipo de envolvimento com o crime organizado na fronteira pela que os investigadores da Direção de Investigações Criminais de Casos Puníveis acredita que a motivação poderia ser passional, más não se descarta nenhuma hipótese.
Investigadores da Divisão de Homicídios e da Polícia Técnica realizaram os procedimentos de rigor com apoio da promotora Reinalda Palacios e apreenderam imagens de câmeras de segurança que possam ajudar na elucidação do crime. Não há suspeitos já que a vítima aparentemente não tinha inimigos e dedicava a vida ao trabalho e a formação de novos profissionais de agronomia na região sendo reconhecido como profissional correto e conhecedor da agricultura na região de fronteira entre o Mato Grosso do Sul e do Paraguai.

Comentário

Comentário

Veja Também

FAMÍLIAS SE REENCONTRAM APÓS 50 ANOS SEPARADOS COM APOIO E AJUDA DE VEREADORES DE PONTA PORÃ

Famílias se reúnem após 50 anos sem ter contato com apoio e ajuda de vereadores ...