terça-feira , 16 julho 2019
Home / Destaque / COMUNIDADE INDÍGENAS SÃO BENEFICIADAS COM ATENDIMENTO MÉDICO DURANTE ATIVIDADE DA JCI E UNIVERSIDAD CENTRAL DEL PARAGUAY

COMUNIDADE INDÍGENAS SÃO BENEFICIADAS COM ATENDIMENTO MÉDICO DURANTE ATIVIDADE DA JCI E UNIVERSIDAD CENTRAL DEL PARAGUAY

Professores, doutores, mestres e acadêmicos da Universidad Central del  Paraguay (UCP) participaram no último sábado de uma atividade na Colônia Indígena Itaguazu, distante a 35 quilômetros de Pedro Juan Caballero. A participação foi a convite da Junior Chamber  
International (JCI), que é uma federação mundial de jovens profissionais e empreendedores com idades entre 18 e 40 anos, que buscam, por meio do aprimoramento do indivíduo, as bases para o crescimento pessoal e de suas comunidades.
As Organizações Nacionais federadas e filiadas a JCI são ativas em mais de 6.000 unidades locais e estão presentes em mais de 100 países, com grande participação nas atividades de filantropia e ajuda comunitária em Pedro Juan Caballero.
Uma destas atividades é o Projeto Saúde é Vida que foi desenvolvido no final se semana e levou para a comunidade de Itaguazu atenção médica primária, planejamento familiar, vacinação, entrega de medicamentos, doação de cadeiras de rodas, atenção odontológica, emissão de certificado de nascimento, consultoria jurídica, doações de roupas, cestas básicas, serviço de cabeleireiro, jogos e dinâmicas em Guarani para crianças e outros auxílios necessários para a comunidade local.
Ao todo foram atendidas mais de 200 pessoas tanto pela equipe da UCP quanto pelos voluntários da JCI, que se mostraram satisfeitos com os resultados obtidos com a parceria que deverá ser repetida em outras oportunidades no atendimento de outras comunidades.
A Universidad Central ainda disponibilizou a Clínica Móvel que foi usada para parte dos atendimentos realizados aos indígenas e que já percorreu boa parte do Departamento de Amambay, com milhares de procedimentos realizados dentro dos projetos de Extensão Universitária que a UCP tem participado nos últimos anos.

“Para nós da UCP foi uma honra muito grande termos sido convidados pela Junior Chamber International para esta atividade, já que a JCI representa uma das maiores instituições mundiais de ajuda humanitária e fazer parte deste evento foi um grande prazer para a nossa  
universidade e esperamos poder repetir esta experiência mais vezes”,  disse a professora Juliane de Oliveira.
Para a professora Adriely Pagnoncelli que também faz parte do departamento de Extensão Universitária da UCP, a oportunidade de levar os acadêmicos e futuros profissionais para áreas carentes e sem atendimentos de saúde básicos como é o caso da Colônia Itaguazu, os preparapara a realidade que eles terão no cotidiano na vida profissional depois de formados. “Esta é a realidade do dia-a-dia do profissional de medicina e o que se aprende e se vivencia aqui vale para a vida toda”, disse ela.

Comentário

Comentário

Veja Também

FAMÍLIAS SE REENCONTRAM APÓS 50 ANOS SEPARADOS COM APOIO E AJUDA DE VEREADORES DE PONTA PORÃ

Famílias se reúnem após 50 anos sem ter contato com apoio e ajuda de vereadores ...