sexta-feira , 18 outubro 2019
Home / Destaque / AGETRAN E RECEITA FEDERAL REALIZAM BLITZ CONTRA “MOTINHAS” EM PONTA PORÃ

AGETRAN E RECEITA FEDERAL REALIZAM BLITZ CONTRA “MOTINHAS” EM PONTA PORÃ

Na manhã de terça-feira (25), uma operação conjunta entre AGETRAN (Agencia de Transito Municipal) órgão fiscalizador de trânsito do município de Ponta Porã com apoio da receita federal, realizaram um pente fino visando frear o transito de motocicletas irregulares na cidade de Ponta Porã.

A ação desencadeada na parte da manhã se deu na Rua Baltazar Saldanha, em frente a base da AGETRAN no horto florestal, a operação contou com a presença dos guardas de trânsito e do guincho da receita federal, foram apreendidas dezenas de motocicletas que estava transitando em situação irregular pela cidade. Muitas das motocicletas apreendidas não possuíam placas de identificação ou tão pouco seus condutores possuíam CNH, as motocicletas apreendidas foram recolhidas ao pátio do Detran, onde aguardam para ser levadas e sucateadas.

A campanha “Posso ou Não Posso ter Motinha” ressalta que não é proibido “andar” com as ditas “motinhas estrangeiras”, é permitido sim transitar com elas, porém deve se atentar sobre as exigências do Código de Trânsito Brasileiro. Para motocicletas estrangeiras oriundas do Paraguai transitarem em solo brasileiro são necessários os seguintes documentos:

1-possuir CNH

2- Possuir Cédula Verde e Placa de Identificação na moto

3- Possuir Habilitacion do Veiculo (PY)

4- caso não esteja em seu nome a referida motocicleta, o condutor precisa ter ainda, uma autorização registrada em cartório do proprietário lhe autorizando a transitar com a mesma. 5- obviamente utilizar capacete e apenas 02 pessoas por motocicleta.

6- estar a motocicleta em condições de uso e com todos os itens de segurança e luminosos em perfeito funcionamento.

Comentário

Comentário

Veja Também

MS SE DESTACA ENTRE OS ESTADOS COMO O MAIS SEGURO DO BRASIL

Mato Grosso do Sul é um Estado rico em belezas naturais, mas que divide espaço ...