segunda-feira , 27 maio 2019
Home / Destaque / POLÍCIA MILITAR RECUPERA NA FRONTEIRA ROUBADO NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO “LEGALIZADA” NO PARAGUAI

POLÍCIA MILITAR RECUPERA NA FRONTEIRA ROUBADO NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO “LEGALIZADA” NO PARAGUAI

Durante ação de abordagens a indivíduos em atitude suspeita Polícia Militar recupera próxima a fronteira com o Paraguai veiculo roubado no estado do Rio de Janeiro e três terminam encaminhados à delegacia de polícia.

Os mesmos foram identificados como os brasileiros, Wesley Matias Barbosa da Silva (26) com passagens pela polícia por roubo, furto, lesão corporal e se encontrava beneficiado pelo regime de livramento condicional, Plinio de Oliveira Ribas (40) com passagens pela polícia por violência domestica e descaminho e o cidadão paraguaio Fabio Alejandro da Silva (27) que transitavam a bordo de um veiculo da marca Ford, modelo Ranger, cor cinza, que utilizava placas BLU 325 Paraguai, recebeu ordem de parada, situação não obedecida pelo condutor da camionete que deu fuga, mas acabou abandonando o veiculo próximo ao trevo da Bandeira e fugiu a pé ao território paraguaio deixando os amigos na camionete abandonada que acabou abordado pelos Policiais Militares.

Durante as verificações ficou constatado que o veiculo era produto de roubo no estado do Rio de Janeiro, os policiais ainda encontraram vários documentos no interior do veiculo entre eles o documento do condutor que sería um suboficial principal Sinésio Reinoso Basualdo (58) da Polícia Nacional do Paraguai, foragido da justiça brasileira com ordem de captura por tráfico de drogas, que após fugir e abandonar a camionete e os três companheiros, teria se escondido em um posto de combustível situado no lado paraguaio, situação informada aos agentes da Polícia Nacional do Paraguai que manifestaram que cuidariam do caso, mas até o momento a situação não foi esclarecida se ouve ou não prisão do mesmo na cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero.

Os três indivíduos abordados do lado brasileiro juntamente com a camionete foram encaminhados ao DP da Polícia Civil para os procedimentos cabíveis.

Comentário

Comentário

Veja Também

MAUS TRATOS A MÃE DE FAMILIA EM SUPERMERCADO GERA CRÍTICAS E REPÚDIO NA FRONTEIRA

Maus trato a dona de casa em supermercado na cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero recebe ...