segunda-feira , 14 outubro 2019
Home / Destaque / PRISÃO DE MANIFESTANTE FAZ GOVERNADOR DO MS ENFRENTAR REVOLTA DE MORADORES NA REGIÃO DE FRONTEIRA

PRISÃO DE MANIFESTANTE FAZ GOVERNADOR DO MS ENFRENTAR REVOLTA DE MORADORES NA REGIÃO DE FRONTEIRA

Ação da Polícia Federal com apoio da Marinha do Brasil e do Paraguai, durante o bloqueios no rio Paraguai entre a cidade paraguaia de Carmelo Peralta e Porto Murtinho, para pôr fim ao bloqueio em protesto ao ‘cota zero’, durou pouco mais de 1 hora e um manifestante, foi atingido com disparo de bala de borracha e um manifestante de nacionalidade paraguaia acabou encaminhado a delegacia de policia, a situação revoltou os moradores de ambos lado da fronteira.

A ordem judicial que originou a ação dos agentes federais saiu na última sexta-feira (15) e foi assinada pela juíza Janete Lima Miguel, da 2ª Vara Federal de Campo Grande, na decisão, a juíza determina a suspensão do bloqueio para liberação de uma embarcação boliviana, que estava há cerca de quatro dias parada no local.

Os agentes federais chegaram ao ponto de manifestação por volta das 13:00hs de domingo (17) e, segundo os manifestantes, não houve diálogo com líderes do movimento ou advogados que representam os empresários e pescadores.

A ação revoltou a população dos dois lados da fronteira, onde as criticas ao Governador Reinaldo Azambuja (PSDB) endureceram nas últimas horas, com moradores revoltados com a situação e o posicionamento do governo do estado do Mato Grosso do Sul, que sem ao menos ouvir a categoría de pescadores, decidiu decretar a cora zero, colocando vários pais de famílias na beira do abismo e sem uma perspectiva de trabalho a curto prazo para que os mesmos levem o pão de cada dia aos seus familiares, a ação segundo os manifestantes continuara e a partir da ação policial desta tarde, as manifestações deverá endurecer na região contra o governo do Mato Grosso do Sul.

Fonte www.midiamax.com.br

Comentário

Comentário

Veja Também

POLICÍA IDENTIFICA CORPO ENCONTRADO EXECUTADO COM 15 DISPAROS DE ARMA DE FOGO NA FRONTEIRA

Investigadores da Policia Técnica com apoio da Divisão de investigações de Casos Puníveis da Polícia ...