terça-feira , 19 novembro 2019
Home / Destaque / TRABALHADORES RURAIS ENCONTRAM OSSADA HUMANA EM REGIÃO DE FAZENDA NO INTERIOR DO MS

TRABALHADORES RURAIS ENCONTRAM OSSADA HUMANA EM REGIÃO DE FAZENDA NO INTERIOR DO MS

O fato foi registrado na manha de quinta-feira (27), quando trabalhadores rurais de propriedade distante cerca de 50 kilometros de Costa Rica comunicaram ter encontrado uma ossada humana na área de lavoura, durante os trabalhos de gradeamento.

Imediatamente, investigadores do SIG (Setor de Investigações Gerais) da Polícia Civil da cidade de Costa Rica, acionaram a Polícia Científica, o Delegado e a funerária local e se deslocaram até o ponto indicado para averiguação, onde segundo os agentes da Polícia Técnica, junto à ossada havia um par de tênis da marca Olympikus, de cor preta, tamanho 39/40, duas pulseiras, sendo uma de aço e uma camiseta do time Chelsea, na cor azul. Tudo indica que se trata de ossos humanos, ainda segundo a Polícia Técnica, no local foram localizados dois fragmentos de chumbo e anteparos, semelhantes a balins de munição calibre .12, indicando possível emprego de arma de fogo.

A qualidade dos ossos estava muito comprometida por conta da ação da fauna silvestre e do tempo, além disso, a área da fazenda onde a ossada foi encontrada foi incendiada há cerca de três meses, fato que pode ter acelerado o processo de decomposição dos ossos a ponto de comprometer a fixação de uma data aproximada da morte.

Em razão dos elementos coletados no local, o fato foi registrado como homicídio e sua elucidação dependerá da colaboração da comunidade e dos trabalhos da Polícia Científica, pela que será realizada uma minuciosa checagem no cadastro de pessoas desaparecidas pois acreditamos que a vítima seja da região.

Qualquer informação, pode ser realizada a Polícia Civil de Costa Rica pelo numero. (67)99671-4610 e (67)3247-1301.

Comentário

Comentário

Veja Também

PMR DIVULGA BALANÇO DA OPERAÇÃO PROCLAMAÇÃO DA REPÚBLICA 2019

O Batalhão de Polícia Militar Rodoviária (BPMRv) realizou no período de 15 a 18 de ...