sexta-feira , 14 dezembro 2018
Home / Educação / ESCOLAS MUNICIPAIS DE PONTA PORÃ PREMIADAS NO PRÊMIO “MPT NA ESCOLA”

ESCOLAS MUNICIPAIS DE PONTA PORÃ PREMIADAS NO PRÊMIO “MPT NA ESCOLA”

As Escolas Municipais de Ponta Porã participaram no mês de Setembro e Outubro do Prêmio “MPT na Escola”.  MPT na Escola é um projeto do Ministério Público do Trabalho que consiste num conjunto de ações voltadas para a promoção de debates, nas escolas de Ensino Fundamental, sobre os temas relativos aos direitos da criança e do adolescente, com foco na prevenção e erradicação do trabalho infantil e a proteção do adolescente trabalhador.

O projeto é executado em todas as Unidades da Federação, mediante parcerias entre o Ministério Público do Trabalho e as  Secretarias Municipais de Educação. Com base nessas parcerias são realizadas oficinas de capacitação e sensibilização dos profissionais de educação sobre os temas objeto do projeto, com a participação dos demais órgãos e entidades do Sistema de Garantia de Direitos da Criança e do Adolescente.

As escolas desenvolveram trabalhos com os alunos do Ensino Fundamental sobre o tema “Trabalho Infantil”, em seis categorias: conto, curta metragem, música, esquete teatral, desenho e poesia.

A Etapa Estadual ocorreu no mês de Setembro e o nosso município recebeu 03 premiações, ficando a Escola Municipal Isaac Borges Capillé em primeiro lugar na categoria de música.

A Escola Municipal São João ficou em 2º lugar na Etapa Estadual na categoria curta metragem, com o trabalho dos alunos do 7º ano, intitulado “Transformando a realidade através da Educação”. Ainda, a Escola Municipal Marcondes Pereira Fernandes ficou em 3º lugar, também no quesito curta metragem, com o trabalho “Trabalho Infantil é crime” desenvolvido   pelos alunos do 4º ano do Ensino Fundamental.

Estes trabalhos concorreram na Etapa Nacional, que aconteceu no mês de novembro, e o nosso município foi novamente premiado, ficando com o 7º lugar a Escola Isaac Borges Capillé, com a música “Quero brincar e estudar” escrita pelo aluno Fabricio Pedro Lopes.

Comentário

Comentário

Veja Também

EVENTO “TODAS DE UMA VEZ” MOVIMENTA A FRONTEIRA BRASIL-PARAGUAI

A maior organização de artistas plásticos da fronteira Fitta´s Ateliê e o Projeto Fronteira tudo ...