sexta-feira , 16 novembro 2018
Home / Esportes / JOVEM PONTAPORANENSE REPRESENTARÁ MS EM ACAMPAMENTO NACIONAL DE HANDEBOL

JOVEM PONTAPORANENSE REPRESENTARÁ MS EM ACAMPAMENTO NACIONAL DE HANDEBOL

Atleta de handebol da Escola Estadual Dr. Miguel Marcondes Armando, Luiz Gustavo Pistório Martins, recebeu o convite da Confederação Brasileira de Handebol para juntar-se a seleção brasileira da modalidade no Centro Nacional de Desenvolvimento do Handebol, localizado na cidade de São Bernardo do Campo-SP, no período de 27 de outubro a 5 de novembro de 2018.

Depois de ter passado pelo Acampamento da fase Estadual Luiz Gustavo foi o único atleta de Mato Grosso do Sul convidado a participar do acampamento Nacional.  Os acampamentos recorreram em dois anos todos os Estados brasileiros em busca de novos talentos para modalidade procurando dar continuidade à renovação nas seleções nacionais nas categorias infantil, cadete e juvenil, no masculino e no feminino.

O atleta é aluno da escola Estadual Dr Miguel Marcondes Armando em Ponta Porã e iniciou no handebol em 2016, é atleta do Programa Escolar de Formação e Desenvolvimento Esportivo de MS (Esporte Base MS) desenvolvido pela FUNDESPORTE, onde treina com outros jovens de 10 a 14 anos, tem como técnico o professor especialista em Handebol Marcos Almada, ex-atleta da modalidade e estudioso do assunto.

“O Luiz é um atleta muito jovem que tem todas as características físicas para se tornar um grande jogador de handebol, canhoto e de raciocínio rápido poderá surpreender no acampamento nacional, acredito que teremos muitas boas noticias a respeito dele.” diz Almada.

Com 1,83 de altura e ainda na categoria mirim o atleta que joga como meio direita já participou de vários jogos e campeonatos dentro em Mato Grosso do Sul e agora irá em busca de voos mais altos.

Os acampamentos da CBHb são um dos projetos mais importantes desenvolvidos no Brasil para a formação de jovens jogadores. É um modelo de gestão muito bem feita. A ideia é fazermos um levantamento nacional sobre perfil físico e de conhecimento de jogo dos atletas de handebol, bem como um trabalho para os treinadores, ampliando suas competências”, explicou Washington Nunes, coordenador do projeto.

 

“Temos a felicidade e a certeza de que os acampamentos nos ajudaram muito no último ciclo olímpico. Muitos atletas chegaram à seleção adulta e queremos manter isso. A equipe principal, agora, é jovem e muitos devem garantir sua vaga para a Olimpíada de Tóquio. Mas já queremos trabalhar para formar as seleções de 2024 e 2028”, destacou Washington Nunes.

 

Dos 66 jogadores que participarão dos acampamentos nacionais, a ideia é que cerca de 20 sejam posteriormente selecionados para participar de fases de treinamentos com as seleções brasileiras, cada um em sua categoria.

Comentário

Comentário

Veja Também

EQUIPE DA ESCOLA ESTADUAL ADÊ MARQUES É PREMIADA NA MARATONA UNICEF SAMSUNG NA USP

Na quarta-feira (31) estudantes da Escola Estadual Adê Marques de Ponta Porã no estado do ...