terça-feira , 18 dezembro 2018
Home / Destaque / PM FECHA O CERCO A “BOCAS DE FUMO” EM PONTA PORÃ

PM FECHA O CERCO A “BOCAS DE FUMO” EM PONTA PORÃ

Policiais Militares de Ponta Porã na manhã de terça-feira (09) realizavam rondas pelas ruas de um bairro localizado na área norte da cidade, quando avistaram um indivíduo saindo de uma residência a qual, conforme denúncias funcionaria como “boca de fumo” e, ao avistar a viatura se aproximando o indivíduo tentou evadir da equipe policial.

Após realizarem a abordagem ao indivíduo, os policiais o identificaram como R.L.B. (32) o qual possui passagens policiais pelos crimes de tráfico de drogas, furto e desacato e, após revista pessoal, os policiais encontraram no bolso direito da calça de R.L.B. uma trouxinha de maconha.

Ao ser questionado sobre o que estava fazendo naquela residência, R.L.B. admitiu que veio até ali para comprar crack e, de acordo com o mesmo, nessa casa funciona a boca de fumo do vulgo “Flávio Paraguaio”.

De posse dessas informações, os policiais resolveram vistoriar a residência visto que haviam recebido várias denúncias de que ali funcionava um ponto de venda de drogas, além de funcionar como ponto de recebimento de objetos roubados ou furtados, bem como constantes aglomerações de pessoas envolvidas em assaltos a mão armada na cidade.

Na residência os policiais encontraram F.C.D. (18) o qual, mesmo com pouca idade, possui passagens por porte de drogas, porte ilegal de arma de fogo, lesão corporal dolosa, dano e direção perigosa em via pública. F.C.D. admitiu aos policiais que possui entorpecentes em sua residência, autorizando a entrada dos policiais na casa e mostrando aonde estavam guardados os entorpecentes. Os policiais localizaram no quarto de F.C.D., dentro de um guarda-roupas, uma pequena quantidade de maconha, além de papéis de seda para embrulho do entorpecente. Encontraram, também, junto ao entorpecente várias notas de moeda nacional totalizando R$ 395,00 (Trezentos e noventa e cinco reais), além de uma munição de revólver calibre .38.

Diante dos fatos, R.L.B. e F.C.D. foram encaminhados à Primeira Delegacia de Polícia Civil, aonde seguem à disposição da justiça.

Comentário

Comentário

Veja Também

EXECUÇÃO DE JOVEM MULHER E SUICÍDIO DE AUTOR CHOCA A FRONTEIRA

Execução seguido de suicídio choca moradores de bairro na cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero ...