terça-feira , 21 agosto 2018
Home / Destaque / PARAGUAIOS SÃO PRESOS TRANSPORTANDO CARNE IRREGULAR EM TERRITORIO BRASILEIRO

PARAGUAIOS SÃO PRESOS TRANSPORTANDO CARNE IRREGULAR EM TERRITORIO BRASILEIRO

Ação da Policia Militar culmina na apreensão de carne irregular transportada em veiculo de procedência paraguaia em cidade de interior do Mato Grosso do Sul.

O fato foi registrado na tarde de segunda-feira, dia 21, por volta das 17:20hs, quando a Polícia Militar da cidade de Antônio João foi informada de que um veiculo tipo Silverado, de cor branca, placas do Paraguai estaria transportando carne de forma irregular.

De posse das informações, os policiais se dirigiram até o trevo de acesso a saída da cidade, efetuando a abordagem do veículo que era conduzido pelo paraguaio, Pedro Paulo alvarenga Cabana e que tinha como acompanhantes os paraguaios Agustin Florenciani Ruiz Dias e Fábio Gustavo Diaz Ferreira. Na parte da carroceria do veículo estavam várias partes de carne bovina, transportada de forma irregular e não havia nenhum documento que comprovasse a origem ou procedência do produto.

Para a polícia, os homens informaram que apensas faziam o transporte do produto a mando de uma pessoa identificada como Antônio Barbosa que seria o proprietário da estância onde os animais foram abatidos. Afirmaram ainda que a carne seria entregue em Ponta Porã para ser comercializada.

cidade de Antônio João vem sofrendo com o abate clandestino e cruel de gado, por isso, os policiais encaminharam os homens e o produto até o pelotão da Polícia Militar da cidade. Posteriormente, Antônio Carlos Barbosa compareceu ao pelotão da polícia, se apresentando como proprietário da carne apreendida e confirmando que contratou os paraguaios para o transporte do produto, afirmando ainda que a carne seria vendida em açougues da cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero, que faz fronteira com Ponta Porã (MS).

A Vigilância Sanitária de Antônio João foi acionada pela polícia e esta confirmou ao dono da carne apreendida, o perdimento do produto.

Após pesagem, foi constatado que no veículo havia 1.200 quilos de carne sem procedência.

Os envolvidos foram encaminhados para a delegacia para os procedimentos de praxe. A polícia apreendeu ainda 01 lima sem marca, duas facas, duas chairas, todas da Tramontina e uma balança da marca Profield.

Fonte Pontaporainforma

Comentário

Comentário

Veja Também

CBN AMPLIA ATUAÇÃO E TERÁ CORRESPONDENTES EM PONTA PORÃ

A Rádio que Toca Notícia passará a contar com mais três jornalistas correspondentes no interior ...