sexta-feira , 27 abril 2018
Home / Destaque / FAMILIARES DE VITIMA DE SUPOSTO SUICIDIO PEDEM RIGOROSA INVESTIGAÇÃO DO CASO A POLICIA EM AMAMBAÍ

FAMILIARES DE VITIMA DE SUPOSTO SUICIDIO PEDEM RIGOROSA INVESTIGAÇÃO DO CASO A POLICIA EM AMAMBAÍ

A Polícia Civil vai instaurar procedimento para apurar o suposto suicídio de uma mulher, ocorrido na cidade de Amambai no estado do Mato Grosso do Sul.

Segundo a polícia, Rosa Ferreira (37), residente no Residêncial Pôr-do-Sol na cidade de Amambaí, que seria esposa de um sargento da Policia Militar, lotado na unidade da cidade de Dourados, manifestou que a esposa teria usado algo similar a uma meia calça amarrada em um caibro na área dos fundos da residência para se enforcar.

De acordo com a ocorrência policial o corpo da vítima foi encontrado pelo próprio marido, que estaria na sala assistindo TV com o filho de 15 anos e em dado momento teria notado a falta da esposa que estava na cozinha fazendo janta.

Segundo consta também na ocorrência, ao se deparar com a esposa pendurada o marido, que é sargento da Polícia Militar, teria cortado a meia calça e tentado reanima-la, aplicando procedimentos emergenciais como massagem cardíaca e respiração boca a boca, mas a ação não surtiu efeito.

Familiares desconfiaram do caso e solicitam que a Policia Civil realize uma investigação rápida e rigorosa a fim de apurar o caso, já que segundo os familiares, a vitima não tinha motivo para cometer o suicídio, além do mais as verões dada pelo sargento da PM seriam contraditórios e a pressa em enterrar a vitima levantou a suspeita de que o suposto suicídio poderia ter sido uma cortina de fumaça, pois a vitima teria comunicado a família que viajaria no final de semana para uma visita familiar.

Comentário

Comentário

Veja Também

ENFERMEIROS E MÉDICOS RECEBEM ATUALIZAÇÃO SOBRE PROTOCOLOS DE REANIMAÇÃO CARDIOPULMONAR EM PONTA PORÃ

Médicos e enfermeiros do Hospital Regional Dr. José Simone Netto, participaram de curso de atualização ...