quarta-feira , 18 julho 2018
Home / Destaque / GCMFRON DE PONTA PORÃ E REFERENCIA A NIVEL BRASIL NA AREA DE SEGURANÇA PUBLICA

GCMFRON DE PONTA PORÃ E REFERENCIA A NIVEL BRASIL NA AREA DE SEGURANÇA PUBLICA

O Secretário Municipal de Segurança Pública Marcelino Nunes de Oliveira-PROS recebeu em seu gabinete na Base da Guarda Civil Municipal de Fronteira (GCMFRON), o Secretário Especial de Seg. Pública da cidade de Corumbá o Tenente Coronel PM César Freitas Duarte, o vereador da comarca André Luiz Pereira Fernandes e o Assessor Parlamentar Gilson Alves da Costa.

O Secretário Especial de Seg. Pública da cidade de Corumbá o Tenente Coronel PM César Freitas Duarte, afirmou em sua fala durante entrevista que o motivo que levou ele e a sua comitiva a viajar 700 km foi para estreitar os laços profissionais que toda a fronteira deve ter, nós temos basicamente os mesmos problemas de segurança pública, temos uma extensa fronteira seca com outro país e extremamente permeável.

Corumbá tem ainda uma fronteira fluvial também extensa com mais de 200 km de rio, um rio que divide outro pais, Brasil e Bolívia e nós compartilhamos de problemas semelhantes, então vendo a sua atuação fantástica a frente da GCMFRON, chamei os nossos companheiros para fazer uma visita para o nosso amigo e saber da realidade da GCMFRON, saber quais problemas são enfrentados pela instituição, e quais as suas perspectivas para a segurança pública de fronteira .

E fiquei bastante satisfeito com o que vi aqui, o sistema de vídeo-monitoramento, a reserva de armas, o sistema de reparos de viaturas, as viaturas, e o empenho do Secretário Marcelino em agregar recursos para a Secretaria Municipal de Seg. Pública, isso nos motiva muito, eu fico bastante agradecido por uma recepção calorosa, de um profissional que está preocupado e comprometido com a segurança pública da cidade de Ponta Porã.

Com as nossas crianças, com os pais de família, com as pessoas que aqui trabalham e nós como profissionais de segurança publica, temos que proteger esse patrimônio, a Guarda Civil Municipal de Fronteira (GCMFRON), hoje apoiada por uma Lei Federal (Lei 13022) e fatalmente a GCMFRON faz parte da segurança pública, faz trabalho de polícia e nós precisamos estar irmanados, quando vi a sua iniciativa de criar a GCMFRON, a nossa Câmara aprovou prontamente a sua iniciativa, e resolvemos fazer uma visita a SENASP em Brasília implantar a sua idéia no município de Corumbá.

A sua idéia está reverberando Brasil afora, e o Governo Federal precisa ter um olhar diferenciado para as Guardas Civis Municipal de Fronteira (GCMFRON), eu tenho muitos projetos que pretendo compartilhar com você, disse o Secretário Especial de Segurança Pública da cidade de Corumbá.

Comentário

Comentário

Veja Também

DOENÇA SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEL SE ALASTRA E ASSUSTA MÉDICOS POR RESISTÊNCIA A ANTIBIÓTICOS

Uma infecção sexualmente transmissível e ainda pouco conhecida poderá se transformar em uma superbactéria que ...