quinta-feira , 23 novembro 2017
Home / Destaque / SETOR ADMINISTRATIVO DO HOSPITAL REGIONAL DE PONTA PORÃ RECEBE QUALIFICAÇÃO COM O TEMA ÉTICA HOSPITALAR

SETOR ADMINISTRATIVO DO HOSPITAL REGIONAL DE PONTA PORÃ RECEBE QUALIFICAÇÃO COM O TEMA ÉTICA HOSPITALAR

Colaboradores do setor administrativo do Hospital Dr. José de Simone Netto (Hospital Regional de Ponta Porã) receberam treinamento sobre ética na administração pela primeira vez. O tema foi apresentado pelo professor contador Aldecir da Silva Leite, da faculdade Magsul de Ponta Porã, e a ação foi uma iniciativa da coordenação administrava e direção geral do Hospital.

O setor administrativo do Hospital conta com assistentes administrativos, recepcionistas, telefonistas, vigias, e setores como faturamento, tecnologia da informação, ouvidorias, núcleo interno de regulação e recursos humanos.  Assim que o Hospital Regional de Ponta Porã passou a ser administrado pelo Instituto Gerir (organização social que tem como objetivo levar melhores práticas de gestão para administração pública), a educação continuada em todos os setores como palestras e treinamentos tem sido prioridade.  Dessa vez, o setor administrativo foi quem disponibilizou dois dias para que os colaboradores de todos os plantões pudessem participar.

“Nós nunca tivemos esse tipo de atividade no nosso setor. Então nós pensamos que esse tipo de treinamento oferece um novo embasamento, qualificação e atualização, e é também uma forma de motivar a equipe para que busque novas informações a respeito do tema e sobretudo, uma forma de integração do administrativo com os demais setores, sempre com ética e respeito” destaca a coordenadora administrativa, Patrícia de Oliveira. 

Para os colaboradores, a iniciativa foi de extrema importância. A telefonista Simone Camila Cardoso Amaral conta que, o que marcou para ela, foi o respeito e a importância que cada um tem dentro de uma empresa. “Ficou claro que não importa a função que desempenhamos em um local de trabalho, o respeito e o valor é igual para todos. Esse treinamento veio para mudar nosso pensamento e a forma que devemos olhar para o próximo”.

O supervisor administrativo Alex Jeovanny diz que a iniciativa que deu aos colaboradores uma oportunidade ímpar de rever conceitos e valores em âmbitos éticos e morais, mediante o dia a dia no trabalho. “Me sinto lisonjeado em participar e feliz pela iniciativa da direção em investir e preocupar-se com seus colaboradores”. Já o vigia Carlos Alberto Martins afirma que o treinamento foi bom para o aprendizado de todos e que o tema é importante para ações no dia a dia, principalmente no que se refere ao comportamento de cada um. 

 

Ética e saúde

De acordo com o professor Aldecir da Silva Leite, a ética é uma área do conhecimento que trata da definição e avaliação do comportamento de pessoas e organizações. E administração hospitalar não é diferente. “A essência de todo pessoal envolvido no hospital é  a saúde, a vida. Então podemos dizer que o médico é tão importante quanto o profissional do setor administrativo, que apenas possuem objetivos diferentes, enquanto o primeiro busca atender objetivos voltados ao paciente, o segundo busca atender objetivos gerais da organização. Nesse sentido, as normas de conduta que regem as ações e práticas dos gestores em serviço de saúde devem ser atendidas conforme a necessidade surja”, explica. 

Com relação ao gerenciamento de serviços hospitalares, professor Aldecir afirma que existem regras e diretrizes que regulamentam as tomadas de decisões a frente de uma administração. E no caso da saúde pública, tem em específicas regras que são impostas por órgãos como a Organização Mundial da Saúde (OMS), Secretarias de Saúde, Fundações de Saúde, entre outros e a existência de tais diretrizes deve ser observada ao longo de todo o processo administrativo dos serviços de saúde.

“É importante palestras de esclarecimentos que possam não só capacitar o corpo administrativo, como também possam treiná-los para a boa manutenção dos processos e agendamentos dos trabalhos executados, sob o viés da boa conduta, ou seja, pautada na ética, moral e nos bons costumes. É louvável a iniciativa da direção do Hospital Regional, em trazer capacitação ao corpo administrativo, pois como vimos, os mesmos estão ligados à satisfação dos objetivos gerais da organização, portanto mais expostos a regulamentações e restrições orçamentárias ou financeiras”, conclui.

Comentário

Comentário

Veja Também

PF DEFLAGRA “OPERAÇÃO DNA” CONTRA O NARCOTRAFICO NO INTERIOR DO MATO GROSSO DO SUL

Polícia Federal de Dourados deflagra “Operação DNA” contra o narcotrafico em cidades do interior do ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *