segunda-feira , 20 novembro 2017
Home / Destaque / VEREADOR CRITICA SITUAÇÃO CAÓTICA NO HR E FALTA DE COMPROMISSO DO GOVERNADOR DO MS COM A POPULAÇÃO DE PONTA PORÃ

VEREADOR CRITICA SITUAÇÃO CAÓTICA NO HR E FALTA DE COMPROMISSO DO GOVERNADOR DO MS COM A POPULAÇÃO DE PONTA PORÃ

Ao fazer uso da tribuna, durante a sessão  o vereador Dr. Daniel Marques (PMDB) criticou a péssima organização do Hospital Regional Dr. José de Simone Netto, em Ponta Porã.

Segundo informações, uma cidadã indignada com a situação em que se encontra o Hospital Regional de Ponta Porã, teria entrado em contato com a assessoria do parlamentar para relatar parte do que vivenciou dentro do hospital.

“Minha nora está internada lá [Hospital] desde o último dia 8 (domingo), ela e meu filho sofreram um acidente de moto, atingidos por um carro em alta velocidade jogando eles contra um muro. Meu filho está todo machucado e minha nora fraturou a perna em dois lugares. É um sofrimento enorme pra ela, o médico nos disse que não há previssão de quando vai fazer o procedimento cirúrgico, porque além de estar com seu salário atrasado, também falta material, e se não bastasse o sofrimento de minha nora, com ironia a equipe médica nos pede que para levar uma TV para entreter a paciente, pois a espera vai ser longa”.

Ainda de acordo com a paciente, a cada dia que passa sua nora vem agonizando em meio a dor e ao sofrimento da espera. “Ela está cheia de bolhas de tanto ficar deitada, esses dias atrás ficou com sede a noite toda e ainda pra completar foram colocar uma bacia para ela urinar, quando houvesse necessidade. Acidentalmente derramaram a urina dela em sua maca, ficando assim até no outro dia. Na hora da visita fomos dar banho nela e trocar o lençol da maca”.

E no final de sua denúncia, a cidadã pergunta “Aonde estão sendo aplicados nossos impostos? Cadê os salarios dos medicos? Das lavadeiras?”, pergunta.

Diante dessa situação, e comovido o triste relato da cidadã, o vereador Daniel Marques (PMDB) protestou em tribuna, e disse que irá tomar medidas cabiveis. “Nosso hospital passa por uma fase muito difícil, onde sobram atendimentos e doentes e faltam recursos. Há poucas semanas atrás denunciei esse caso aqui em tribuna, mais a fala deste parlamentar não tem sido levado a sério pelo poder Executivo”.

GOVERNO DO ESTADO
“O Governo do Estado faz promessas e mais promessas de melhorias, mais infelizmente não cumpre com nenhuma delas”.

LABORATÓRIO
“O laboratório não está realizando exames básicos por falta de recursos”.

LAVANDERIA
“A lavanderia continua com atraso de vários meses, fornecendo apenas 30% da rouparia”.

CENTRO CIRÚRGICO
“O centro cirúrgico não tem insumos para cirurgias eletivas, o hospital está canalizando recursos para  atender cirurgias de urgência”.

UTI NA UTI
“A UTI se somam 60 dias sem repasses, e a equipe médica não recebe há 45 dias”.

Comentário

Comentário

Veja Também

JOVEM BRASILEÑA FALLECE TRAS REALIZAR CIRUGÍA PLÁSTICA EN CLINICA DE PEDRO JUAN CABALLERO

El medio de comunicación ovigilantems.com.br dio a conocer la muerte de la joven farmacóloga Josiane ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *