quarta-feira , 18 outubro 2017
Home / Geral / SESSÃO DA CÂMARA DE VEREADORES E MARCADA POR DEBATE DE CRISE INSTITUCIONAL EM PONTA PORÃ

SESSÃO DA CÂMARA DE VEREADORES E MARCADA POR DEBATE DE CRISE INSTITUCIONAL EM PONTA PORÃ

A sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Ponta Porã, realizada na tarde de terça-feira (13), foi marcada pela abertura do espaço da Tribuna Livre para qos profissionais da Medicina e do Direito, abordassem temas preocupantes e grande importância para a população.

Durante a mesma se manifestou o médico, José Vidal Galindo, que, representando um grupo de colegas, questionou procedimentos efetuados pelas diretorias do Hospital Regional Dr. José de Simone Neto. O médico disse que há diversas falhas que ferem a ética profissional e cobrou respostas por parte das diretorias administrativa e clinica do referido hospital.

O presidente da Câmara Municipal, Otaviano Cardoso (PSDB), lembrou que o atendimento no Hospital Regional é um tema bastante abordado pelos parlamentares, uma vez que os vereadores precisam cobrar informações sobre os atendimentos efetuados para a população tanto de Ponta Porã quanto dos municípios vizinhos.

Ele recordou a realização de uma audiência pública que abriu espaço para a sociedade, com a participação dos vereadores, Ministério Público, representantes do Governo do Estado e da empresa Gerir, debater a situação do Hospital Regional.

Em seguida, foi aberto espaço da Tribuna Livre para que o presidente da Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), advogado Luiz Renê Gonçalves do Amaral, pudesse falar do papel da instituição em defesa da Democracia e dos direitos individuais e coletivos da população brasileira. Segundo ele, a OAB tem sido o principal instrumento da cidadania brasileira para lutar contra detentores do poder que se julgam acima das leis e da vontade do povo.

O presidente da OAB local disse que o momento é de crise institucionalizada tanto no Brasil quanto no estado de Mato Grosso do Sul. O dirigente falou que, ao tomar conhecimento de denuncias envolvendo mandatários estaduais, a OAB de MS imediatamente criou um comissão especial para apurar as denuncias relacionadas às autoridades estaduais e que o próprio governador Reinaldo Azambuja (PSDB) procurou a diretoria da entidade para se colocar á disposição mostrando interesse em esclarecer os fatos.

Renê colocou a OAB local à disposição da comunidade e dos vereadores para contribuir no trabalho de fiscalização das ações das autoridades, especialmente do Poder Executivo.

Em nome dos 17 vereadores, o presidente da Casa de Leis, Otaviano Cardoso, elogiou a atitude da OAB, Subseção local, e disse que a Câmara está aberta para todos os segmentos sociais que queiram manifestar-se no sentido de fiscalizar a aplicação do dinheiro público em todas as esferas e instituições públicas.

Comentário

Comentário

Veja Também

AUTORIDADES PRESTIGIAM EVENTO DO DIA NACIONAL DE FILIAÇÃO DO PT EM PONTA PORÃ

Partido dos Trabalhadores de Ponta Porã participa do dia nacional de filiação e autoridades municipais ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *