segunda-feira , 21 maio 2018
Home / Destaque / VEREADORA PROPÕE AÇÃO POPULAR CIVIL PÚBLICA CONTRA OPERADORA VIVO EM CIDADE DO MS

VEREADORA PROPÕE AÇÃO POPULAR CIVIL PÚBLICA CONTRA OPERADORA VIVO EM CIDADE DO MS

A vereadora Fabrizia Tinoco (PRB) apresentou solicitação na ultima sessão ordinária dia (05) de junho que seja realizado reunião com a Associação Comercial, OAB – Subseção Bela Vista, Prefeitura Municipal e Câmara Municipal para discutir de que forma impetrar Ação Popular Civil Publica contra Operadora Vivo.

A parlamentar expôs a insatisfação dos consumidores quanto à qualidade dos serviços prestados a comunidade de Bela Vista. “Não são de hoje as freqüentes quedas de sinal, reclamações e problemas em relação a Vivo. Não podemos permitir que uma operadora sem qualidade, continue cada vez mais realizando novos contratos, enquanto não houver melhorias nos serviços já prestados”, declarou Fabrizia na justificativa.

A parlamentar propõe essa ação contra a operadora Vivo por cobrar serviços que não estão sendo oferecidos aos moradores do município. Que se tome providências técnicas necessárias para resolver os problemas, melhorando efetivamente o serviço público de telecomunicação móvel no município, procedendo aos reparos, substituições e ampliação dos equipamentos existentes se necessário.

“A empresa esta brincando com os usuários, oferecendo um serviço de péssima qualidade, isso tem gerado prejuízos aos moradores e comerciantes de Bela Vista, e preciso tomar uma providencia contra essa empresa”, disse Fabrizia.

“Não é só comigo que acontece, é com a cidade inteira. Quando precisamos realizar uma ligação, precisamos tentar três, quatro e até cinco vezes. É muito constrangedor. E quando se consegue finalmente ligar, a ligação cai”, desabafou a vereadora Fabrizia.

Ademir Mendonça – Assessor de Imprensa.

Comentário

Comentário

Veja Também

PROTESTO DE CAMINHONEIRO FECHA RODOVIAS FEDERAIS NO MS

Caminhoneiros fecham estradas federais no Mato Grosso do Sul, em protesto, foi confirmada pela PRF (Polícia ...

Deixe uma resposta